Discentes do Campus Descalvado criam mural sobre a Campanha Novembro Roxo





Nos dias 12 e 14 de novembro, os alunos do 5º, 6º e 7º períodos da Universidade Brasil- Campus Descalvado, realizaram uma atividade referente a campanha Novembro Roxo, que chama atenção para a questão da à prematuridade.

Os discentes criaram uma exposição nos murais da Universidade e compartilharam de forma verbal o conhecimento adquirido, com outros alunos e com funcionários da instituição. Foram entregues também chaveiros e laços, como estratégia, para que a sensibilização à Prematuridade alcance outros espaços para além dos muros da Universidade.

No Brasil, a taxa de prematuridade é de 11,5% segundo o inquérito Nacional sobre partos da Fiocruz do ano de 2016, o que representa quase o dobro dos países desenvolvidos. Embora essa taxa tenha sido decrescente ao longo dos anos, ainda se mostra preocupante no nosso país por ser uma das maiores causas de mortalidade infantil, em especial no período neonatal e também de morbidades que acompanham essas crianças por longos períodos da vida ou até mesmo por toda ela.

Levando em consideração o impacto que a prematuridade causa para os próprios bebês portadores dessa condição, suas famílias e o sistema de saúde brasileiro, os alunos e os professores consideraram de grande relevância realizar essa atividade de divulgação sobre o tema nos murais.


 

Texto original: Katia Gomes da Silva, Enfermeira Neonatologia e Docente da Universidade Brasil.   

Adaptado para o site da Universidade Brasil.



Compartilhe
          
Últimas Notícias

Universidade Brasil inaugura novo Núcleo de Prática Jurídica em Fernandópolis
12/08/2022


Universidade Brasil está com vagas abertas para o PROUNI em quatro cursos
03/08/2022


Curso de Medicina da Universidade Brasil tem nova coordenadora
01/08/2022


Universidade Brasil disponibiliza a Biblioteca Digital Saraiva a seus alunos
25/07/2022